Governo Richa dissemina a mentira e manipula a boa-fé dos paranaenses

Publicado em 1 de julho de 2014

Enio Verri

No último final de semana o governo estadual começou a veicular no horário nobre da TV uma campanha publicitária sobre o aumento da tarifa da Copel. Na propaganda, paga com dinheiro público, o governo Richa diz que não tem culpa pelo reajuste da conta de luz. Como de hábito, atribuiu a responsabilidade ao governo federal.

Ao mesmo tempo, a página do governo do Paraná no Facebook publicou uma postagem com os mesmos “esclarecimentos” sobre o reajuste da Copel. A publicação foi patrocinada, ou seja, também com dinheiro público, o governo pagou ao Facebook para que o conteúdo seja mostrado a um número maior de internautas.

A materialização da perspectiva de derrota na eleição de outubro, amplificada diante do fracasso de sua gestão, está levando o governo tucano a revelar sua verdadeira face aos paranaenses.

O governo Richa não é apenas perdulário, incoerente e descompromissado com os pobres. A campanha publicitária mentirosa que está no ar na TV e no Facebook desmascara uma gestão que não tem pudores em utilizar a máquina pública para tirar proveito político, disseminando a mentira e manipulando a boa-fé dos paranaenses.

No dia 25 de junho a Copel, empresa controlada pelo governo do Paraná, pediu à Aneel autorização para aplicar um reajuste médio de 32% na conta de luz. Mais tarde, quando a Aneel aprovou o reajuste na tarifa de energia, o governador se disse “surpreendido com a decisão do governo federal de aumentar a luz em 35,05%”.

Todos os brasileiros sabem que o governo federal não aumentou nem aumenta a conta de luz. Foi exatamente uma ação do governo Dilma que fez com que, no ano passado, os consumidores de todo o País tivessem redução média de 20% no valor da conta de luz.

Ao dizer que estava “surpreso” com o aumento, Richa menosprezou a inteligência e o bom senso dos paranaenses. Se realmente não queria o reajuste, o governador não deveria ter autorizado o pedido da Copel.

O colunista Celso Nascimento fez a leitura apropriada pra a situação. “Usar a situação para tirar proveito político imediato, com vistas à próxima eleição, não é atitude própria de estadistas.”

Em nenhum momento, desde que assumiu o Palácio Iguaçu, Beto Richa apresentou atitudes próprias de estadistas. Pelo contrário. Sua gestão ficará marcada pela omissão diante dos desafios que o Estado apresenta, incompetência pela forma como administrou as finanças do Estado e descompromisso com a verdade.

Enio e Lula

Vem com a gente

Lula e Dep. Federal Enio Verri

Faça parte da rede de defesa dos DIREITOS SOCIAIS e pela DEMOCRACIA.

Enviar mensagem
Vamos conversar?
Olá!
Envie sua mensagem para o deputado Enio Verri.