PT pede reabertura de fábrica no Paraná para produção de oxigênio

O Partido dos Trabalhadores (PT), nesta segunda-feira (22), apresentou novo pedido de reabertura da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná – Fafen-PR ao Ministro do STF, Ricardo Lewandowski, relator da ADPF 756.

Na petição, a agremiação afirma existir evidente risco de colapso no abastecimento de oxigênio hospitalar na rede pública de saúde de todo o país, já existindo diversas manifestações de estados e municípios nesse mesmo sentido, o que pode se tornar ainda pior com o avanço do número de casos e internações em razão da COVID-19.

Enquanto isso, a FAFEN-PR, pertencente à Petrobrás, que possui a capacidade de produção de 30 mil m³ de oxigênio por hora – o que representa a quantidade necessária para abastecer a demanda de uma cidade de Manaus a cada 3 horas – segue fechada e sem nenhum plano de utilização por parte do Governo Federal.

O PT afirmou, ainda, que a reabertura da fábrica de fertilizantes ainda poderá gerar 1.000 (mil) postos de trabalho no estado do Paraná, unidade da federação que possui atualmente uma taxa de 10% de desempregados.

O processo, agora, foi remetido ao Ministro Ricardo Lewandowski e ainda não possui uma data para ser julgado.