Quem Sou

Quando me perguntam por que escolhi seguir a vida política uma lembrança da infância traz a resposta.

Atrás do balcão da mercearia do meu querido e saudoso pai, Nelson, comecei a perceber que a vida do pequeno comerciante do interior do Paraná não era nada fácil. Assim, como também mais tarde, como professor, vi que era preciso mais do que muito trabalho e dedicação para transformar a realidade que eu via em Maringá e fora dela, era preciso fazer com que a política fosse nossa aliada nesse país.

Nasci em 1961, em Maringá, e desde muito garoto, comecei a estudar a noite para poder ajudar meu pai e minha mãe, Dona Lucinda, com a mercearia. Fiz o primeiro grau no nosso bairro, e fiz o curso de técnico em contabilidade, no Colégio Comercial Estadual de Maringá.

No fim da década de 1970 iniciei meus estudos em Economia e trabalhei no departamento pessoal em uma construtora. Essas relações com as pessoas do bairro, no trabalho e nos estudos me levaram para a militância política. Primeiro nas pastorais da Igreja Católica, como o da Juventude, Operária e Universitária, trabalhando nas comunidades eclesiais de base.

Nos anos 1980 começou minha luta no movimento estudantil marcada pela mobilização pelas Diretas Já e contra a cobrança da mensalidade em universidades públicas, que na época cobravam uma taxa mensal. A política não poderia andar separada da democracia e do direito de escolha da população.

Foi com esse pensamento e nesse momento que me filiei ao diretório municipal do Partido dos Trabalhadores.

Profissionalmente, atuei iniciativa privada chegando a diretor administrativo financeiro de uma empresa de atuação nacional. Sempre me dedicando aos estudos, em 1997 me tornei professor da  Universidade Estadual de Maringá.

Em seguida, conclui meu mestrado sobre “O desenvolvimento recente da indústria paranaense”, um setor no qual sempre acreditei e via o seu potencial como mola propulsora da economia do Estado, gerando emprego e renda para o povo do Paraná.

Em 2000, vencemos as eleições em Maringá, e fui chamado para a missão de ser o Secretário Municipal da Fazenda.

Alguns anos depois, concluindo meu doutorado sobre “Reestruturação produtiva do Paraná nos anos 90: o papel da globalização e do Mercosul”, voltei para um lugar muito especial em minha vida: a sala de aula.

Mas a vida política e na economia não pararam. A convite do deputado federal, Paulo Bernardo, que havia assumido a presidência da Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional, fui assessor técnico da Comissão. Com a experiência, assumi a chefia de gabinete do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Em 2006, assumi a secretaria de Planejamento e Coordenação Geral do Paraná do então governador Roberto Requião (PMDB). Fiz questão que os programas e orçamento do governo priorizassem ações de promoção do desenvolvimento econômico e social sustentável dos municípios. Pensando naqueles que mais precisam das políticas públicas, que vivem às margens do Estado. Era essa minha meta maior.

Entre disputas perdidas e ganhas nas eleições, após dois mandatos como Deputado Estadual, com o apoio de minha família a de apoiadores, chegamos à Câmara dos Deputados Federais em 2014, levando a bandeira progressista do estado do Paraná para a pauta nacional.

Em 2020, como líder do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados, minha batalha foi pelo enfrentamento ao governo incompetente que, no contexto da pandemia de Covid-19 não cuidou de sua população deixando o país herdeiro de  impactos devastadores na economia do país, com aumento da pobreza e a volta da fome. Sigo acreditando que as decisões de quem governa o país fazem diferença na vida do servidor, do pequeno comerciante, do aposentado.  Faz a diferença para cada brasileiro e cada paranaense.

Uma história política

1961
  • 1961

    1961 - 

    Brasil

    Jânio Quadros sucede Juscelino Kubitschek na presidência do Brasil

  • 1961

    1961 - 

    Enio Verri

    Infância, em Maringá, primeiro filho do seu Nelson e dona Lucinda

  • 1968

    1968 - 

    Brasil

    Presidente Costa e Silva decreta o AI N° 5

  • 1968

    1968 - 

    Enio Verri

    Com 7 anos, em minha 1ª comunhão, já na paróquia Sagrado Coração de Jesus

  • 1984

    1984 - 

    Brasil

    • Primeira unidade geradora de Itaipu entra em operação

    • Ayrton Senna estreia na Formula 1

  • 1984

    1984 - 

    Enio Verri

    Casamento com Neusa. Dia que decidimos caminhar juntos.

  • 1985

    1985 - 

    Brasil

    Movimento DIRETAS JÁ pela volta da democracia no Brasil

  • 1985

    1985 - 

    Enio Verri

    Recebendo o diploma de Economia na UEM, que me abriria caminhos para lecionar e para minha atuação política também

  • 1994

    1994 - 

    Brasil

    • Brasil vence o tetracampeonato na Copa do Mundo nos EUA

    • Plano Real estabelece no Brasil uma política de estabilidade econômica

  • 1994

    1994 - 

    Enio Verri

    Em uma das comemorações da equipe de trabalho do supermercado São Francisco, onde trabalhei por 10 anos

  • 2001

    2001 - 

    Brasil

    Eleição no Peru. O economista Alejandro Toledo Manrique foi eleito, presidente do Peru. Nascido em uma família pobre, tornou-se o primeiro “cholo” (descendente de indígenas) a chegar ao poder no país.

  • 2001

    2001 - 

    Enio Verri

    Pela primeira vez implantamos o orçamento participativo em Maringá. Queríamos fazer política para o povo e com o povo.

  • 2005

    2005 - 

    Brasil

    • No governo do presidente Lula, Brasil bate recorde na produção da indústria automobilística, e o maior crescimento real do salário mínimo

    • A Lei 11.096 cria o PROUNI, que ampliou acesso ao Ensino Superior no Brasil

  • 2005

    2005 - 

    Enio Verri

    Com a Dilma Rousseff.  Ela, nessa época, ministra de Minas e Energia e eu, trabalhando pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

  • 2007

    2007 - 

    Brasil

    • IBGE aponta que o governo Lula fazia do Brasil um país menos desigual

    • Brasil sedia os Jogos Pan-Americanos de 2007

  • 2007

    2007 - 

    Enio Verri

    Com o governador Roberto Requião, com o qual pude implantar ações de promoção do desenvolvimento econômico e social sustentável no Paraná, como Secretário de Planejamento do Estado

  • 2012

    2012 - 

    Brasil

    O Programa Brasil Carinhoso é lançado pelo governo Dilma Rousseff, voltado para a primeira infância. Integrava o Plano Brasil Sem Miséria, com ações de educação, saúde e renda para famílias beneficiárias do Bolsa Família.

  • 2012

    2012 - 

    Enio Verri

    Na presidência do Partido dos Trabalhadores no Paraná, busquei unir nossos ideais de justiça social e pensar políticas públicas para todos

  • 2013

    2013 - 

    Brasil

    Foi criado o Mais Médicos, programa lançado por Dilma, para levar médicos nos municípios do interior e nas periferias do Brasil. Até 2017, o programa chegou a ter 18.240 médicos, garantindo acesso a 63 milhões de pessoas em 4.058 municípios.

  • 2013

    2013 - 

    Enio Verri

    Com meus companheiros da ALEP, como deputado estadual

  • 2014

    2014 - 

    Brasil

    Brasil sedia Copa do Mundo

  • 2014

    2014 - 

    Enio Verri

    Sou eleito deputado federal pelo estado do Paraná

  • 2020

    2020 - 

    Brasil

    Um ano em que o Brasil enfrentou seu pior desafio na saúde da população com a pandemia de Covid-19

  • 2020 Enio dá entrevista na Câmara

    2020 - 

    Enio Verri

    Tive a honra de ser líder da bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados, em um ano que enfrentamos um governo incompetente e uma pandemia de Covid-19, que gerou impactos devastadores na economia do país, com aumento da pobreza e a volta da fome

196119611968196819841984198519851994199420012001200520052007200720122012201320132014201420202020
Atualmente
Enviar mensagem
Vamos conversar?
Olá!
Envie sua mensagem para o deputado Enio Verri.